Electronic Design

Do conceito à realidade

Electronic Design

Do conceito à realidade
Design Eletrônico - Do Conceito à Realidade, 4th Electronic edition

Design Eletrônico - Do Conceito à Realidade
Por Martin S. Roden, Gordon L. Carpenter e William R. Wieserman
4th edição eletrônica

Este excelente livro dá aos estudantes de engenharia e profissionais do século 21st as ferramentas necessárias para analisar e projetar circuitos eletrônicos e sistemas eficientes. Ele inclui muitos exemplos de circuitos que estão agora disponíveis na TINA por um clique do mouse da edição eletrônica do livro publicado pela DesignSoft.

ÍNDICE

Capítulo 1: CONCEITOS BÁSICOS

Capítulo 2: AMPLIFICADORES OPERACIONAIS IDEAIS

Capítulo 3: ANÁLISE DO CIRCUITO DE DIODO SEMICONDUTOR

Capítulo 4: CIRCUITOS DE TRANSISTOR DE JUNÇÃO BIPOLAR

Capítulo 5: AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR DE JUNÇÃO BIPOLAR

Capítulo 6: AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR DE CAMPO E EFEITO

Capítulo 7: ESTABILIDADE DAS BIAS DOS AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR

Capítulo 8: AMPLIFICADORES DE ALIMENTAÇÃO E FONTES DE ALIMENTAÇÃO

Capítulo 9: AMPLIFICADORES OPERACIONAIS PRÁTICOS

Capítulo 10: COMPORTAMENTO DE FREQÜÊNCIA DE AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR

Capítulo 11: FEEDBACK E ESTABILIDADE

Capítulo 12: FILTROS ACTIVOS

Capítulo 13: CIRCUITOS QUASE-LINEARES

Capítulo 14: WAVEFORMS PULSADAS E CIRCUITOS DE TEMPO

Capítulo 15: FAMÍLIAS LÓGICAS DIGITAIS

Capítulo 16: CIRCUITOS INTEGRADOS DIGITAIS

CAPÍTULO 1 - CONCEITOS BÁSICOS
1.0 Introdução
Histórico 1.1, 1
Modelos de circuito de estado sólido 1.2, 3
Elementos de circuito linear e não linear 1.3, 4
1.4 Analog vs. Digital Signals, 6
Fontes dependentes 1.5, 7
Efeitos de Frequência 1.6, 8
1.7 Análise e Design, 10
1.7.1 Comparação de Design e Análise, 10
1.7.2 Origem dos Requisitos de Design, 10
1.7.3 O que significam “aberto-terminado” e “compensado” ?, 11
Simulações de computador 1.8, 13
Componentes 1.9 do processo de design, 14
1.9.1 Princípios do Design, 15
Definição do problema 1.9.2, 16
1.9.3 subdividindo o problema, 17
Documentação 1.9.4, 17
1.9.5 O diagrama esquemático, 18
1.9.6 A lista de peças, 18
1.9.7 executando listas e outra documentação, 19
1.9.8 usando documentos, 20
1.9.9 Design Checklist, 20
1.9.10 Prototipagem do Circuito, 21
Resumo, 23
CAPÍTULO 2 - AMPLIFICADORES OPERATIVOS IDEAIS
2.0 Introdução, 24
2.1 Op-Amps ideais, 25
Fontes dependentes 2.1.1, 25
Circuito Equivalente do Amplificador Operacional 2.1.2, 27
Método de análise 2.1.3, 30
2.2 O amplificador inversor, 30
2.3 O amplificador não inversor, 33
Resistência de entrada 2.4 dos circuitos do amplificador de potência, 41
Entradas de Inversão e Não-Invertidas Combinadas 2.5, 44
Projeto 2.6 de circuitos de amplificador de potência, 46
Aplicações de outros amplificadores 2.7, 52
Circuito de impedância negativa 2.7.1, 52
Gerador de Corrente Dependente 2.7.2, 53
Conversor de corrente para tensão 2.7.3, 54
Conversor de Voltagem para Corrente 2.7.4, 55
Amplificador Inversor 2.7.5 com Impedâncias, 56
Aplicativos de computador analógico 2.7.6, 57
2.7.7 Integrador Miller não inversor, 59
Resumo, 60
Problemas, 60
CAPÍTULO 3 - ANÁLISE DO CIRCUITO DE DIODO SEMICONDUTOR
3.0 Introdução, 70
3.1 Theory of Semiconductors, 71
Condução 3.1.1 em Materiais, 73
Condução 3.1.2 em Materiais Semicondutores, 75
Estrutura Cristalina 3.1.3, 76
Geração 3.1.4 e Recombinação de Elétrons e Buracos, 78
Semicondutores Dopados 3.1.5, 79
3.1.6 ntipo semicondutor, 80
3.1.7 ptipo semicondutor, 80
Concentrações de portadores 3.1.8, 80
Suportes de Excesso 3.1.9, 82
Recombinação 3.1.10 e Geração de Excesso de Portadoras, 82
3.1.11 Transporte de Corrente Elétrica, 83
3.1.12 Difusão de Portadoras, 83
3.1.13 Drift em um campo elétrico, 84
Diodos Semicondutores 3.2, 87
Construção de diodo 3.2.1, 89
Relação 3.2.2 entre corrente de diodo e tensão de diodo, 90
Operação do diodo 3.2.3, 92
Efeitos de Temperatura 3.2.4, 93
Modelos de Circuito Equivalente a Diodo 3.2.5, 95
Análise de Circuito de Diodo 3.2.6, 96
Análise Gráfica, 96
Aproximação Linear por Partes, 99
Capacidade de manuseamento de energia 3.2.7, 103
Capacitância de diodo 3.2.8, 104
Retificação 3.3, 104
Retificação de meia onda 3.3.1, 105
Retificação de Onda Completa 3.3.2, 106
Filtragem 3.3.3, 107
Circuito de Duplicação de Tensão 3.3.4, 110
Diodos Zener 3.4, 112
Regulador de Zener 3.4.1, 113
3.4.2 Diodos Zener Práticos e Regulação Porcentual, 117
3.5 Clippers e Clampers, 119
3.5.1 Clippers, 119
3.5.2 Clampers, 124
Circuitos 3.6 Op-Amp Contendo Diodos, 127
3.7 Tipos Alternativos de Diodos, 129
Diodos 3.7.1 Schottky, 129
3.7.2 Diodos emissores de luz (LED), 130
3.7.3 Diodos Fotográficos, 131
3.8 Especificações dos Fabricantes, 132
Resumo, 133
Problemas, 134
CAPÍTULO 4 - CIRCUITOS DE TRANSISTOR DE JUNÇÃO BIPOLAR
4.0 Introdução, 149
4.1 Estrutura dos Transistores Bipolares, 149
4.2 Modelo BJT de Sinal Grande, 153
4.3 Derivação de Pequenos Sinais ac Modelos, 154
4.4 Sinal Pequeno de Duas Portas ac Modelos, 156
Curvas características 4.5, 158
Folhas de dados dos fabricantes 4.6 para BJTs, 160
Modelos 4.7 BJT para Simulações Computacionais, 161
Configurações do amplificador de estágio único 4.8, 164
Polarização 4.9 de amplificadores de um único estágio, 166
Considerações de energia 4.10, 169
4.10.1 Derivação de Equações de Potência, 170
4.11 Análise e Projeto de Circuitos de Polarização de Amplificadores de Tensão, 172
Procedimento de análise 4.11.1, 172
Procedimento de Design 4.11.2, 177
Fontes de Alimentação do Amplificador 4.11.3, 183
4.11.4 Seleção de Componentes, 184
Análise 4.12 e Projeto de Circuitos de Polarização de Amplificadores de Corrente, 184
4.13 Nonlinearities de transistores de junção bipolar188
Características On-Off do 4.14 dos Circuitos BJT, 190
Fabricação de circuitos integrados 4.15, 192
4.15.1 Transistor e Diodos, 192
Resistores 4.15.2, 193
Capacitores 4.15.3, 193
Transistor Lateral 4.15.4, 194
Resumo, 194
Problemas, 195

CAPÍTULO 5 - AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR DE JUNÇÃO BIPOLAR
5.0 Introdução, 207
5.1 Amplificador de Emissor Comum, 208
Fórmula de impedância de ganho 5.1.1, 208
Resistência de Entrada 5.1.2, Rin, 209
Ganho Atual 5.1.3, Ai, 210
Ganho de tensão 5.1.4, Av, 210
Resistência de saída 5.1.5, Ro, 211
5.2. Emissor comum com resistor de emissor (amplificador com resistor de emissor), 213
Resistência de Entrada 5.2.1, Rin, 213
Ganho Atual 5.2.2, Ai, 215
Ganho de tensão 5.2.3, Av, 215
Resistência de saída 5.2.4, Ro, 215
Amplificador Coletor Comum 5.3 (Emissor-Seguidor), 224
Resistência de Entrada 5.3.1, Rin, 224
Ganho Atual 5.3.2, Ai, 225
Ganho de tensão 5.3.3, Av, 225
Resistência de saída 5.3.4, Ro, 226
Amplificador de Base Comum 5.4, 230
Resistência de Entrada 5.4.1, Rin, 231
Ganho Atual 5.4.2, Ai, 231
Ganho de tensão 5.4.3, Av, 232
Resistência de saída 5.4.4, Ro, 232
Aplicações do Amplificador de Transistor 5.5, 236
Divisor de fase 5.6, 237
Acoplamento do Amplificador 5.7, 238
Acoplamento capacitivo 5.7.1, 238
Acoplamento Direto 5.7.2, 238
Acoplamento do Transformador 5.7.3, 241
Acoplamento Ótico 5.7.4, 243
Análise de Amplificador Multiponto 5.8, 245
Configuração do 5.9 Cascode, 250
Fontes de Corrente 5.10 e Cargas Ativas, 252
5.10.1 Uma fonte de corrente simples, 252
Fonte de Corrente 5.10.2 Widlar, 253
Fonte de Corrente 5.10.3 Wilson, 256
5.10.4 Fontes de Corrente Múltiplas Usando Espelhos Atuais, 258
Resumo, 259
Problemas, 262
CAPÍTULO 6 - AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR DE CAMPO E EFEITO
6.0 Introdução, 277
6.1 Vantagens e Desvantagens dos FETs, 278
Semicondutor de óxido de metal 6.2 FET (MOSFET), 279
Características do terminal MOSFET 6.2.1 Enhancement Mode, 281
MOSFET de modo de esgotamento 6.2.2, 284
Circuito Equivalente de Sinal Grande 6.2.3, 287
6.2.4 Modelo de Pequeno Sinal de MOSFET, 287
Transistor de efeito de campo de junção 6.3 (JFET), 290
6.3.1 JFET Variação de Voltagem Gate-to-Source, 293
Características de Transferência 6.3.2 JFET, 293
6.3.3 JFET Small-Signal ac Modelo, 296
Configurações e Ampliação do Amplificador 6.4 FET, 299
6.4.1 polarização de MOSFET com componentes discretos, 299
Circuitos Integrados MOSFET 6.5, 302
Polarização 6.5.1 de circuitos integrados MOSFET, 303
6.5.2 Body Effect, 305
6.6 Comparação de MOSFET para JFET, 306
Modelos 6.7 FET para Simulações por Computador, 308
Amplificadores 6.8 FET - Canonical Configurations, 312
Análise do amplificador 6.9 FET, 314
6.9.1 O amplificador CS (e resistor de fonte), 314
6.9.2 O amplificador CG, 319
6.9.3 O amplificador CD (SF), 323
6.10 FET Design de amplificador, 326
6.10.1 O amplificador CS, 326
6.10.2 O amplificador de CD, 336
6.10.3 O amplificador SF Bootstrap, 340
6.11 outros dispositivos, 343
Transistor de junção da barreira do semicondutor do metal de 6.11.1, 343
6.11.2 VMOSFET, 344
6.10.3 Outros dispositivos MOS, 344
Resumo, 345
Problemas, 346
CAPÍTULO 7 - ESTABILIDADE DAS VIAS DOS AMPLIFICADORES DO TRANSISTOR
7.0 Introdução, 358
Tipos 7.1 de polarização, 358
Polarização de feedback atual 7.1.1, 359
Tensão 7.1.2 e polarização de corrente, 360
Efeitos 7.2 de alterações de parâmetros - Estabilidade de viés, 362
Configuração do 7.2.1 CE, 363
Configuração 7.2.2 EF, 369
Compensação de diodo 7.3, 372
Projeto 7.4 para estabilidade de polarização do amplificador BJT, 374
Efeitos de temperatura 7.5 FET, 375
7.6 Reduzindo Variações de Temperatura, 377
Resumo, 379
Problemas, 380

CAPÍTULO 8 - AMPLIFICADORES DE POTÊNCIA E FONTES DE ALIMENTAÇÃO

8.0 Introdução, 384
Classes 8.1 de amplificadores, 384
Operação 8.1.1 Classe A, 385
Operação 8.1.2 Classe B, 385
Operação 8.1.3 Classe AB, 387
Operação 8.1.4 Classe C, 388
Circuitos Amplificadores de Potência 8.2 - Operação Classe A, 389
8.2.1 Amplificador Acoplado Indutivamente, 389
8.2.2 Amplificador de Potência com Transformador, 391
Circuitos Amplificadores de Potência 8.3 - Operação Classe B, 395
8.3.1 Complementar Simetria Classe-B e -AB Amplificador de Potência, 395
8.3.2 Ampères de Alimentação de Classe-B Complementarmente Simetria com Compartimento de Diodo (CSDC), 398
Cálculos de potência 8.3.3 para amplificador push-pull de classe B, 401
Circuito 8.4 Darlington, 408
Fonte de alimentação 8.5 usando transistores de potência, 413
Fonte de Alimentação 8.5.1 Usando Componentes Discretos, 413
Fonte de Alimentação 8.5.2 Usando o Regulador IC (Regulador de Três Terminais), 417
Fonte de alimentação 8.5.3 com regulador ajustável de três terminais, 421
Regulador de Corrente Superior 8.5.4, 422
Reguladores de Comutação 8.6, 423
8.6.1 Eficiência dos Reguladores de Comutação, 425
Resumo, 425
Problemas, 426

CAPÍTULO 9 - AMPLIFICADORES OPERACIONAIS PRÁTICOS
9.0 Introdução, 437
9.1 Amplificadores Diferenciais, 438
9.1.1 dc Características de Transferência, 438
Ganhos do modo comum 9.1.2 e do modo diferencial, 439
Amplificador diferencial 9.1.3 com fonte de corrente constante, 442
Amplificador diferencial 9.1.4 com entrada e saída de extremidade única, 445
9.2 Level Shifters, 451
9.3 O Op-Amp Típico, 454
Embalagem 9.3.1, 455
Requisitos de Alimentação 9.3.2, 456
9.3.3 O 741 Op-Amp, 456
Circuitos de polarização, 457
Proteção contra curto-circuito, 457
Estágio de Entrada, 458
Estágio Intermediário, 458
Estágio de Saída, 458
9.4 Especificações dos Fabricantes, 459
9.5 Prático Op-Amps, 459
Ganho de tensão de loop aberto 9.5.1 (G), 460
Modelo 9.5.2 de Amp Usado Modificado, 461
Tensão Offset de Entrada 9.5.3 (Vio), 461
Corrente de polarização de entrada 9.5.4 (Ibias), 463
Rejeição do modo comum 9.5.5, 467
Taxa de rejeição da fonte de alimentação 9.5.6, 467
Resistência de Saída 9.5.7, 468
9.6 Simulação computacional de circuitos de amplificador de potência, 471
Amplificador não inversor 9.7, 473
Resistência de Entrada e Saída 9.7.1, 473
Ganho de tensão 9.7.2, 475
Amplificador de entrada múltipla 9.7.3, 478
Amplificador Inversor 9.8, 479
Resistência de Entrada e Saída 9.8.1, 479
Ganho de tensão 9.8.2, 480
Amplificadores de entrada múltipla 9.8.3, 482
Soma Diferencial 9.9, 485
Amplificadores 9.10 com entradas ou saídas balanceadas, 489
Acoplamento 9.11 entre várias entradas, 492
9.12 Power Audio Op-Amps, 493
9.12.1 Bridge Power Op-Amp, 494
9.12.2 Intercom, 495
Resumo, 496
Problemas, 496
CAPÍTULO 10 - COMPORTAMENTO DE FREQUÊNCIA DOS AMPLIFICADORES DE TRANSISTOR
10.0 Introdução, 509
Resposta de baixa frequência 10.1 de amplificadores, 513
10.1.1 Resposta de Baixa Frequência do Amplificador do Resistor do Emissor, 513
Design 10.1.2 para uma característica de frequência determinada, 518
10.1.3 Resposta de Baixa Frequência do Amplificador de Emissor Comum, 522
Resposta de baixa frequência 10.1.4 do amplificador de fonte comum, 525
Resposta de baixa frequência 10.1.5 do amplificador de base comum, 528
10.1.6 Resposta de Baixa Frequência do Amplificador Emissor-Seguidor, 529
Resposta de Baixa Freqüência 10.1.7 do Amplificador Source-Follower, 530
Modelos de transistores de alta frequência 10.2, 532
Teorema de 10.2.1 Miller, 533
Modelo BJT de alta frequência 10.2.2, 534
Modelo FET de alta frequência 10.2.3, 537
Resposta de alta frequência 10.3 de amplificadores, 538
10.3.1 Resposta de Alta Freqüência do Amplificador de Emissor Comum, 538
Resposta de alta frequência 10.3.2 do amplificador de fonte comum, 542
Resposta de alta frequência 10.3.3 do amplificador de base comum, 544
Resposta de Alta Freqüência 10.3.4 do Amplificador Emissor-Seguidor, 546
Resposta de alta frequência 10.3.5 do amplificador de dreno comum (SF), 548
Amplificadores de Cascata 10.3.6, 549
Design de amplificador de alta frequência 10.4, 550
Resposta de Frequência 10.5 de Circuitos de Amp-Op, 550
Resposta de Op-Amp de Circuito Aberto 10.5.1554
Mudança de fase 10.5.2, 557
Taxa de variação 10.5.3, 557
10.5.4 Designing Amplifiers Utilizando Op-Amps Múltiplos, 560
10.5.5 101 Amplificador, 567
Resumo, 570
Problemas, 571
CAPÍTULO 11 - FEEDBACK E ESTABILIDADE
11.0 Introdução, 585
Considerações sobre o amplificador de feedback 11.1, 586
Tipos 11.2 de Feedback, 587
Amplificadores de feedback 11.3, 588
Feedback atual de 11.3.1 - subtração da tensão para amplificadores discretos, 588
Feedback de Voltagem 11.3.2 - Subtração de Corrente para Amplificadores Discretos, 592
Amplificadores de feedback 11.4 Multistage, 594
Feedback 11.5 em amplificadores operacionais, 595
Estabilidade 11.6 de amplificadores de feedback, 599
Estabilidade do Sistema 11.6.1 e Resposta de Freqüência, 601
Gráficos de Bode 11.6.2 e Estabilidade do Sistema, 605
Resposta de Freqüência 11.7 - Amplificador de Feedback, 610
Amplificador monofásico 11.7.1, 610
Amplificador de dois pólos 11.7.2, 611
Projeto 11.8 de um amplificador de três polos com equalizador de chumbo, 617
Equalizador de atraso de fase 11.9, 623
Efeitos 11.10 de Carregamento Capacitivo, 624
Osciladores 11.11, 625
11.11.1 Os Colpitts e Hartley Osciladores, 625
11.11.2 O Oscilador de Ponte Wien, 626
11.11.3 O oscilador de mudança de fase, 628
11.11.4 O oscilador de cristal, 629
Gerador de toque 11.11.5, 631
Resumo, 631
Problemas, 633
CAPÍTULO 12 - FILTROS ACTIVOS
12.0 Introdução, 641
12.1 Integradores e Diferenciadores, 641
Projeto de Rede Ativa 12.2, 645
Filtros ativos 12.3, 648
Propriedades e classificação do filtro 12.3.1, 649
Filtros Ativos de Primeira Ordem 12.3.2, 655
Amplificador Único 12.4 - Tipo Geral, 666
Filtros analógicos clássicos 12.5, 668
Filtros 12.5.1 Butterworth, 669
12.5.2 Chebyshev Filtros, 672
Transformações 12.6, 674
12.6.1 Low-Pass para High-Pass Transformation, 674
12.6.2 Low-Pass para Transformação Passa-banda, 675
12.7 Design de filtros Butterworth e Chebyshev, 676
Design de filtro de passagem baixa 12.7.1, 677
Ordem do filtro 12.7.2, 677
Fator de escala de parâmetros 12.7.3, 680
Filtro High-Pass 12.7.4, 688
12.7.5 Band-Pass e Design de Filtro de Parada de Banda, 690
Filtros de circuito integrado 12.8, 694
Filtros de capacitores comutados 12.8.1, 695
12.8.2 Filtro de passagem baixa Butterworth com capacitância com chave de sexta ordem, 697
12.9 Observações Finais, 699
Resumo, 699
Problemas, 700
CAPÍTULO 13 - CIRCUITOS QUASE-LINEARES
13.0 Introdução, 706
Retificadores 13.1, 706
Limitadores de Feedback 13.2, 717
Comparadores 13.3, 731
13.4 Schmitt Triggers, 735
Disparadores 13.4.1 Schmitt com Limitadores, 738
Disjuntor Schmitt de Circuito Integrado 13.4.2, 744
Conversão 13.5 entre Analógico e Digital, 746
Conversor Digital-para-Analógico 13.5.1, 746
Conversor analógico-digital 13.5.2, 747
Resumo, 751
Problemas, 752

CAPÍTULO 14 - WAVEFORMS PULSADAS E CIRCUITOS DE TEMPO
14.0 Introdução, 760
14.1 High-Pass RC Rede, 762
14.1.1 Resposta de Estado Estável da Rede de Alta Passagem ao Trem de Pulso, 766
Resposta de estado estacionário 14.2 Low-Pass RC Rede para Trem de Pulso, 771
Diodos 14.3, 777
14.3.1 resposta de estado estacionário do circuito de diodo ao trem de pulso, 777
Circuitos de Disparo 14.4, 781
Resposta de trem de pulso 14.4.1, 782
14.5 O 555 Timer, 783
14.5.1 O Oscilador de Relaxamento, 784
14.5.2 O 555 como um oscilador, 787
14.5.3 O 555 como um circuito monoestável, 794
Resumo, 796
Problemas, 797

CAPÍTULO 15 - FAMÍLIAS LÓGICAS DIGITAIS
15.0 Introdução, 805
15.1 Conceitos Básicos de Lógica Digital, 805
Definições de estado 15.1.1 - lógica positiva e negativa, 806
15.1.2 Lógica Independente ou Desclocada do Tempo, 807
15.1.3 Time-Dependent ou Clocked Logic, 807
Funções lógicas elementares 15.1.4, 807
15.1.5 Álgebra Booleana, 811
Construção e Embalagem 15.2 IC, 812
15.3 Considerações Práticas em Design Digital, 814
Características do Circuito Digital 15.4 de BJTs, 817
Famílias de Lógica Bipolar 15.5, 818
15.6 Lógica Transistor-Transistor (TTL), 818
Configurações de coletor aberto 15.6.1, 820
15.6.2 Active Pull Up, 823
Portas 15.6.3 H-TTL e LP-TTL, 828
Portas 15.6.4 Schottky TTL, 828
Portas Tri-State 15.6.5, 829
Listagens de dispositivos 15.6.6, 831
Lógica acoplada a emissor 15.7 (ECL), 832
Listagens de dispositivos 15.7.1, 834
Características do Circuito Digital 15.8 dos FETs, 835
O 15.8.1 nMelhoria de canal MOSFET, 835
O 15.8.2 p-Melhoria de Canal MOSFET, 835
Famílias de Transistor 15.9 FET, 836
15.9.1 nMOS de canal, 836
15.9.2 pMOS de canal, 836
MOS Complementar 15.10 (CMOS), 837
Interruptor Analógico 15.10.1 CMOS, 841
Listagens de dispositivos 15.10.2 CMOS e regras de uso, 843
Comparação 15.11 de Famílias Lógicas, 845
Resumo, 847
Problemas, 848

CAPÍTULO 16 - CIRCUITOS INTEGRADOS DIGITAIS
16.0 Introdução, 856
Decodificadores e codificadores 16.1, 857
16.1.1 Data Selector / Multiplexer, 860
Codificadores / Descodificadores de Teclado 16.1.2, 862
Geradores / Damas de Paridade 16.1.3, 864
Drivers 16.2 e Sistemas Associados, 864
16.2.1 O visor de cristal líquido (LCD), 867
Flip-Flops 16.3, Latches e Shift Registers, 868
Flops 16.3.1, 870
Travas 16.3.2 e Memórias, 875
Registros de deslocamento 16.3.3, 877
Contadores 16.4, 879
Medição de Frequência 16.4.1, 886
Relógios 16.5, 889
Oscilador Controlado por Tensão 16.5.1, 889
Memórias 16.6, 892
Memórias Seriais 16.6.1, 892
Memória de Acesso Aleatório 16.6.2 (RAM), 895
ROMs e PROMs 16.6.3, 896
16.6.4 EPROMs, 897
16.7 Circuitos Mais Complexos, 899
Unidade Lógica Aritmética 16.7.1 (ALU), 899
16.7.2 Full Adders, 900
16.7.3 Geradores de Carregamento Antecipado, 900
Comparador de Magnitude 16.7.4, 902
Lógica de matriz programável 16.8 (PAL), 903
16.9 Introdução aos Problemas, 903
16.9.1 Gerando Números Aleatórios, 904
16.9.2 Medição do Ângulo Mecânico de Velocidade, 904
16.9.3 O Interruptor de Efeito Hall, 905
16.9.4 Uso de janelas temporizadas, 906
16.10 Observações Finais, 907
Problemas, 908

ANEXOS
A. Micro-Cap e SPICE, 929
B. Valores dos Componentes Padrão, 944
C. Folhas de Dados dos Fabricantes, 946
D. Resposta aos problemas selecionados, 985